WhatsApp deixa de funcionar em vários smartphones a partir do dia 1º; Veja quais



Versões do BlackBerry e do Windows Phone perderão suporte na virada do ano
A partir do dia 1º de janeiro de 2018, próxima segunda-feira, o aplicativo de mensagens instantâneas WhatsApp vai deixar de funcionar em alguns dispositivos antigos, como o BlackBerry OS e o BlackBerry 10, além de todos os aparelhos que rodam o Windows Phone 8.0, da Microsoft.
Na prática, não será mais possível criar novas contas ou verificar contas existentes nos aparelhos obsoletos. Além disso, a empresa anunciou que, por não mais desenvolver para essas plataformas, “alguns recursos podem deixar de funcionar a qualquer momento”.

De acordo com a equipe do aplicativo de mensagens, “estas plataformas não têm a capacidade necessária para  suportar futuras funções ”. O conselho aos poucos usuários dos modelos afetados é “adquirir um telefone Android com um sistema operacional 4.0 ou superior, Windows Phone 8.1 ou superior, ou um iPhone com iOS 7 ou superior”.
Além disso, o WhatsApp vai deixar de funcionar no próximo ano nos dispositivos que rodam com sistema operacional Nokia S40.
Recentemente, o mensageiro instantâneo também anunciou que versões do Android anteriores a 2.3.7 não terão mais suporte a partir de fevereiro de 2020.
A intenção é concentrar a equipe no desenvolvimento de mais e melhores funcionalidades (e que recolham mais dados) para as plataformas que totalizam mais de 99% do mercado, ou seja as versões mais recentes dos sistemas operacionais do Google, Apple e Windows Phone.
Atualmente, o aplicativo de mensagens já não oferece suporte para o Android 2.3.3 e anteriores, além do iOS 6 (iPhone 3GS) e Nokia Symbian S60.
WhatsApp deixa de funcionar em vários smartphones a partir do dia 1º; Veja quais WhatsApp deixa de funcionar em vários smartphones a partir do dia 1º; Veja quais Reviewed by MarcaoDroid on dezembro 29, 2017 Rating: 5

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();